Comissão catarinense busca novos negócios na China

Uma equipe da Secretaria Executiva de Assuntos Internacionais de Santa Catarina (SAI) participa, na China, do projeto de introdução à governança chinesa voltado para líderes públicos do Brasil. As atividades começaram no sábado, 22, e vão até a próxima segunda-feira (31). A iniciativa, a convite da Embaixada da China no Brasil e do Ministério do Comércio da China, ocorre na Província de Jiangxi, na região central chinesa, com visitas técnicas às cidades de Hangzhou e Shanghai.

O consultor-geral da SAI, Marcelo Trevisani (foto), representa o governador Raimundo Colombo no projeto. Após o seminário, a delegação de Santa Catarina visitará a Província de Fujian, entre os dias 1° e 3 de agosto, para avaliar cooperações naquela região. Segundo Trevisani, a participação no seminário abrirá novos canais de comunicação para Santa Catarina na China, especialmente em uma região com crescimento superior à média chinesa.

“Trazemos para Jiangxi a disposição de Santa Catarina em abrir novos mercados e encontrar novos parceiros para trocas econômicas, cooperações técnicas e acadêmicas, e aumentar o fluxo turístico de chineses para o nosso estado, ainda pouco conhecido por aqui”, explicou o consultor-geral da SAI. Além de Santa Catarina, os estados do Rio de Janeiro, Mato Grosso, Goiás, Bahia, Paraná, Alagoas e Paraíba enviaram representantes.

O inspetor do Departamento do Comércio da Província de Jiangxi, Li Wenyao, apresentou a região aos brasileiros. Segundo Wenyao, o seminário é uma oportunidade de “intercâmbio de negócios de conteúdo rico” para os dois lados.

“A China está confiante nas boas perspectivas de crescimento do Brasil. Somos os maiores países em desenvolvimento e importantes países emergentes”, avaliou o inspetor. O Brasil é o décimo maior parceiro comercial da China, que, por sua vez, é o principal parceiro comercial catarinense.

Entre os dias 1° e 3 de agosto, a delegação de Santa Catarina visitará as cidades de Fuzhou e a Ilha de Pingtan, ambas na Província de Fujian. “A intenção desta parada é apresentarmos Santa Catarina para autoridades de Fujian e tratar dos pontos do futuro acordo de cooperação que assinaremos com Fujian”, revelou o consultor-geral da SAI. Na última sexta-feira (14), o governo catarinense recebeu uma missão do governo de Fujian em Florianópolis.

Na parada na Ilha de Pingtan, a delegação catarinense irá detalhar a intenção das autoridades locais chinesas em assinar um acordo de irmanamento com Florianópolis.

Além do consultor-geral da SAI, Marcelo Trevisani, a delegação catarinense em missão à China é composta pelo consultor Rafael Paulo e pela diretora de Missões, Recepções e Eventos em exercício, Alice de Borba.

Edição: Felipe Silveira
Foto: Rafael Paulo/SAI/Secom SC
Informações: Secom SC

Um comentário em “Comissão catarinense busca novos negócios na China

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *