Restaurante Popular no Bucarein reabre após três anos

Fechado desde novembro de 2013, o Restaurante Popular Herbert de Souza, no bairro Bucarein, reabriu nesta segunda-feira (24). A expectativa de atendimento é de 550 refeições ao dia na primeira semana. As refeições custam R$ 1 ou R$ 2 para pessoas registradas no cadastro único dos programas sociais e R$ 5 para qualquer pessoa que desejar frequentar o local.

Após fechar a unidade da região central (Bucarein), em 2013, a Prefeitura inaugurou o Restaurante Popular Zilda Arns, no bairro Adhemar Garcia, zona sul da cidade, que continua aberto ao público.

A inauguração oficial do Restaurante Popular está programada para o dia 2 de maio de 2017, às 10h30. O restaurante fica na rua Urussanga, 442, e abre de segunda a sexta-feira, das 11 às 14 horas.

Reforma

Foram investidos R$ 671.759,80 na obra, sendo R$ 627.439,58 de convênio com a União e R$ 44.320,22 da contrapartida do município. Do valor total, R$ 228.944,78 foram destinados à obra de reforma e adequação da área de 749,39 m2 e R$ 398.494,80 foram utilizados na compra de utensílios, eletrodomésticos e em equipamento de informática.

Restaurante Popular no Bucarein reabre após três anosAlém disso, a Prefeitura de Joinville repassou mais R$ 41.440 para a Associação Alimentar e Nutricional de Joinville (ASANJ) para a execução da manutenção de equipamentos que estavam parados, limpeza da unidade, além da aquisição de itens menores listados no check-list para reabertura da unidade.

A reforma do Restaurante Popular incluiu substituição do piso de concreto queimado por piso de porcelana, construção de lixeira adequada ao padrão da Vigilância Sanitária, revisão das instalações hidráulicas e elétricas, reparos no telhado. Em relação a equipamentos, inclui a construção de uma câmara de congelamento com maior capacidade, liberando as duas menores para serem usadas apenas para resfriamento.

Cozinha Experimental

Como novidade, foi implantada uma Cozinha Experimental no local, completamente equipada para ministrar cursos de capacitação em culinária, tanto para as equipes dos restaurantes como para serviços da prefeitura e entidades.

Texto: Felipe Silveira
Foto: Secom
Informações: Secom

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *